Pular para o conteúdo principal

Prefácio do Livro de Oração Comum, da IEAB de 2015

Seminário Anglicano de Estudos Teológicos - IEAB - Home | Facebook   


1. A publicação desta nova edição do Livro de Oração da Igreja Episcopal Anglicana do Brasil, IEAB, é fruto do esforço, da perseverança e da dedicação de muitas pessoas. E, com certeza, é uma ocasião de muita alegria que se reveste de especial significado porque a liturgia é a marca central na vida da Igreja. 

2. O Livro de Oração é uma herança das pessoas pioneiras da nossa fé, e, por isso a Comissão Nacional de Liturgia empreendeu esforços no sentido de respeitar essa herança. Sabendo do valor das formas e dos ritos contidos neste livro, os quais apontam para a identidade da nossa fé e para o fortalecimento da nossa espiritualidade, buscou-se oferecer uma maneira mais contemporânea de se relacionar com essa fé a partir da atualização e da utilização da linguagem inclusiva, que nos envolve no contexto da adoração, transformando homens e mulheres em partes integrantes do ato de celebrar a vida e a vida em abundância. 

3. Da mesma forma, atentou-se para contemplar os diferentes contextos e culturas existentes no âmbito da Igreja brasileira, oferecendo uma liturgia enraizada. Esta edição do Livro de Oração vem resgatar e fortalecer a dimensão da devoção para o nosso dia a dia a partir dos Ofícios Diários da Palavra, destacadamente, nas Orações Diárias para uso Individual ou em Família.

4. Esperamos que este Livro seja usado para além do momento de culto na Igreja, Lex orandi, Lex credendi. O Livro nos proporciona uma forma e estrutura de adoração, mas esta não funciona automaticamente. A liturgia se tornará verdadeira adoração quando cada pessoa a usar como devoção cotidiana, e, assim, o Espírito Santo de Deus reacenderá a sua chama em cada vida para Glória de Deus. 

5. É com este espírito que a Igreja deve receber esta nova edição do Livro de Oração, para usar a todo tempo, fortalecendo a sua fé em Deus.

Comissão Nacional de Liturgia (Revisão do Livro de Oração Comum da IEAB)

Porto Alegre, 2015
Dom Mauricio José Araújo de Andrade, Presidente 
Revda. Deã Marinez Rosa dos Santos Bassotto, Custódia 
Revda. Dilce Regina Paiva de Oliveira 
Sra. Noemi Kazuko Buyo 
Revdo. Luiz Carlos Teixeira Coelho Filho 
Revda. Rosemary Ferreira da Cunha

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

DOM SALOMÃO FERRAZ

por Reverendo Leandro Antunes Campos assistente social, teólogo anglicano, e ativista dos direitos humanos
SANTOS - Um dos mais icônicos religiosos da história do Brasil, também passou pela Paróquia de Todos os Santos - Igreja Anglicana, como atestam os registros de serviços paroquiais no ano de 1932. Sua Excelência Reverendíssima Dom Salomão Barbosa Ferraz, nasceu em 18 de Fevereiro de 1880, em Jau - Brasil, tendo sido pastor presbiteriano e anglicano. Mais tarde fundou a Igreja Católica Livre do Brasil, hoje denominada de Igreja Católica Apostólica Independente. Dom Salomão recebeu a Sagrada Ordenação Presbiteral em 18 de Julho de 1945. Mais tarde, em 15 de Agosto de 1945, recebeu das mãos de Sua Excelência Reverendíssima Dom Carlos Duarte, a Sagrada Ordenação Episcopal.
Durante o Concílio Vaticano II, e ainda no Pontificado de João XXIII, Dom Salomão Ferraz pede incardinação na Igreja Católica Romana, sendo aceito sem nenhum tipo de re-consagração como Bispo Titular de Eleutherna, em …

Preparação para Crisma (Confirmação do Batismo)

por Reverendo Leandro Antunes Campos assistente social, teólogo anglicano, e ativista dos direitos humanos
SANTOS - O Espírito Santo é força que impulsiona a vida da Igreja.
O Sacramento da Crisma é um encontro especial com Jesus, todo cristão precisa de um dom especial do Espírito para que a semente da vida nova, plantada no Batismo, não morra, mas, pelo contrário, se desenvolva, cresça e dê muito fruto, fruto em abundância.
Na certeza do Espírito Santo que age em nós, queremos unir família e igreja na formação cristã dos nossos fiéis e colaboradores.
Compromisso
• A preparação para o Sacramento da Crisma exige dos crismandos a abertura necessária para viver cada encontro com o desejo de conhecer Jesus Cristo, sua palavra e a doutrina da nossa fé. • Participação nos eventos religiosos da Igreja (Missa da Páscoa, Missa de Pentecostes, Missa de Natal, Aniversário da Igreja, Ação de Graças e outros) • Participação dos crismandos na Missa aos domingos
Sentimo-nos honrados em preparar todos…

Os dez mandamentos

Traduzido e copilado por Reverendo Leandro Antunes Campos
assistente social, teólogo anglicano, e ativista dos direitos humanos
última atualização: 11/07/2020
SANTOS - Os Dez Mandamentos (em hebraico: עֲשֶׂרֶת הַדִּבְּרוֹת, Aseret ha'Dibrot), segundo as Sagradas Escrituras Êxodo 20:1-17, Deuteronômio 5:5-21,  possuem catorze declarações arranjadas pedagogicamente pelo Catecismo da Igreja Anglicana (LOC/TEC p.847,848), na Ordem penitencial - O Decálogo, do LOC/IEAB 2015, p. 290,291. que está presente no Rito I da Santa Eucaristia.
Para Hatchett, No Livro de 1552 o decálogo substitui o Kyrie (9 repetições) do LOC de 1549. Os revisores queriam incluir na Liturgia Dominical pelo menos três coisas que qualquer criança deveria saber antes da confirmação: a Oração do Senhor, O Credo, e os Dez Mandamentos.
Dos tempos Elizabetanos foi requerido que os três textos estivessem dispostos preliminarmente diante do povo em cada igreja, um costume que caiu em desuso apenas em décadas recentes. A …